Sebo Capricho
Parcelas até 12x no cartão
Entregas para todo o Brasil
Entregas de Moto Táxi para Londrina
Whatsapp: (43) 991271035
BLOG
O maior acervo de livros usados do Paraná
Carrinho (0)
Busca Rápida:
Blog Sebo Capricho
Quem lê tem mais chances de fazer uma boa prova do ENEM
Toda Rede Comunicação
30 de Outubro de 2018

Quem lê tem mais chances de fazer uma boa prova do ENEM

Você gosta de ler, entra sempre no site do Sebo Capricho em busca de novidades e tem nos livros a companhia diária para os momentos de lazer? Pois saiba que este hábito pode te ajudar a fazer uma boa prova do ENEM. O concurso que dá acesso a vagas de universidades públicas e particulares através de programas como PROUNI, SISU E FIES será nos dias 4 e 11 de novembro. 

quem-le-tem-mais-chances-de-fazer-uma-boa-prova-do-enem.jpg
Créditos: Valter Campanato/Agência Brasil

 O professor Alisson Henrique Moreira Sanches, que dá aulas na rede privada e em cursos preparatórios, explica que o exame acontece em duas etapas (nos dias 4 de 11 de novembro de 2018). A primeira prova trará 90 questões de Ciências Humanas e Suas Tecnologias e Linguagens e Códigos e Suas Tecnologias, além da redação. A segunda prova também tem 90 questões de Matemática e Suas Tecnologias e Ciências e Suas Tecnologias. “Em ambas as etapas, a leitura é essencial. O ENEM avalia a capacidade do candidato para ler e interpretar textos”, afirma. 

Segundo ele, as questões pedem para comparar pontos de vista em diferentes fontes, além de desafios relacionados a análise, associações e interpretação. “Todas essas habilidades exigem boa capacidade de leitura. Quem tem o hábito de ler pode ter mais facilidade”, aponta, lembrando que a prova é longa e exige também boa capacidade de concentração. 
O professor destaca que o Sebo Capricho tem uma diversidade de livros, revistas e outros materiais relativos a atualidades e cultura geral. “Candidatos a uma vaga na universidade podem encontrar uma infinidade de materiais que vão ajuda-los a se preparar”, avalia, lembrando que a redação costuma priorizar temas sociais. “Quem lê e se atualiza terá melhores argumentos para propor soluções ao problema levantado na redação”, diz. Ele finaliza lembrando que o sistema de correção do ENEM é complexo e detecta os tradicionais “chutes”. “Por isso, a dica é resolver primeiro as questões mais fáceis.”
Compartilhe:
Deixe um comentário